Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Sonsos...

por Kruzes Kanhoto, em 03.04.18

Já me aborrece a conversa sobre os bancos e o quanto a sua salvação nos está a custar. Não há gato nem burro que não tenha uma opinião convincente a este propósito. Contra, quase sempre. Embora, depois da coisa ser um pouco mais espremida, acabem a achar bem que a Caixa Geral de Depósitos tenha sido apoiada. Também o auxilio aos especuladores – ou lesados, como gostam de ser apelidados – do BES não lhes parece despropositado. Até mesmo aquilo do governo insistir na entrada da Santa Casa no capital do Montepio não constitui, na sua sábia opinião, nada de demasiado preocupante. E, se a conversa se prolongar muito, acabam a defender que o anterior governo devia ter ajudado o Salgado e o seu banco.

Por mim estou contra. Contra todo o tipo de injecções de capital por parte do Estado. Na banca ou noutro sitio qualquer. Como, por exemplo, a que foi feita nas autarquias locais e a que deram o sugestivo nome de PAEL. Mil milhões, mais coisa menos coisa. Sem que ninguém se tenha indignado ou pedido explicações aos marmanjos que contribuíram para esse descalabro. Pelo contrário, a maioria até foram reeleitos. Depois andam por aí, a colocar frases feitas nos perfis do FaceCoiso... Tá bem, tá!

Compartilhar no WhatsApp