Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Lábios, beiças e bordas...ou a piada de caserna que não vem ao caso.

por Kruzes Kanhoto, em 05.07.19

Não tinha nenhum blogue para destacar neste follow friday. Mas depois, vindo nem sei de onde, surgiu-me este. Não li, não vou ler e nem sequer o recomendo. Mas, confesso, tenho o maior respeito por quem consegue escrever um post acerca de herpes labial. As melhoras.

Compartilhar no WhatsApp

"Dicas essenciais para arrumarem o vosso estojo da barba"

por Kruzes Kanhoto, em 17.03.19

QG132P.jpg

Não preciso de me inspirar muito para escrever parvoíces. Elas, as ideias parvas, fluem naturalmente. A dificuldade é, quase sempre, a escolha. Escolher o tema parvo do dia. Mas não sou o único. Há imensa gente com o mesmo problema. Tanta que até devia existir um dia dedicado a pessoas que não conseguem deixar de escrever coisas parvas. E outro dia, que eu não quero cá discriminações, dedicado a pessoas que promovem coisas parvas escritas por pessoas que não conseguem parar de escrever coisas parvas.

Assim de repente não me ocorre maior parvoíce do que escrever “Dicas essenciais para arrumarem a vossa make up”. Deve constituir, presumo, um guia de extrema utilidade para as leitoras que, até agora, não sabiam como arrumar aquelas bugigangas. Ó se deve. Até estou mesmo a ver as desgraçadas das mulheres portugueses desesperadas por não saberem como arrumar a tralha da maquilhagem, coitadas. Mas, se calhar, ainda há algo mais parvo. Dar-lhe destaque. Ou seja e em conclusão, já somos três. Parvos.

Compartilhar no WhatsApp

Coisas que me apetece destacar

por Kruzes Kanhoto, em 21.08.17

Percebo a utilidade de um blogue dedicado a auxiliar as pessoas a optar pelo melhor rolo de cozinha ou pelo penso higiénico mais confortável. Não fico indiferente ao esforço de todos os que dedicam parte do seu tempo a recolher, divulgar e, principalmente, publicitar os folhetos das promoções dos mais variados espaços comerciais. É, parece, uma espécie de serviço ao público e uma ajuda ao privado. Ou ao contrário, pouco importa. Aprecio igualmente que muitos bloggers ocupem metade do seu tempo a viajar e a outra metade a contar-nos como foi a passeata. Mesmo os blogues que se dedicam a outras problemáticas, por exemplo a merda de cão ou à descrição de iguarias capazes de nos dar vontade de vomitar, não me suscitam qualquer desprezo. Pelo contrário. Acho que todos têm o seu espaço ou, mesmo que não tenham, estão conforme a vontade dos seus autores e é apenas isso que importa.

Nisto dos blogues – como no resto – o que me incomoda é a discriminação. Nomeadamente quando esta funciona apenas num sentido. Sempre o mesmo, por sinal. E sim, sinto-me discriminado. As opiniões que aqui expresso são tão válidas como as de qualquer outro blogger que pense exactamente o contrário. Sejam acerca de preservativos, cozinha afegã ou atentados terroristas. E quem não entender isso percebe tanto de liberdade e de democracia como o meu cão.

Compartilhar no WhatsApp

Ainda fico vaidoso...

por Kruzes Kanhoto, em 10.01.16

Captura de ecra de 2016-01-10 19:23:52.jpg

 

O post anterior tem estado em destaque na página principal do Sapo. É, no espaço de pouco mais de um mês, a segunda vez que o Kruzes merece tamanha honraria. Obrigado equipa do Sapo blogs!

 

Compartilhar no WhatsApp