Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Descubra as diferenças...

por Kruzes Kanhoto, em 08.05.16

800.jpg

aborto.jpg

 

O que têm em comum estes cartazes? Ambos pugnam pela liberdade de escolha. Num caso de ter ou não um filho e, no outro, a escolher o estabelecimento de ensino que a descendência deve frequentar. À borla. Que é como quem diz, à conta do contribuinte que isto, como quase toda a gente sabe, não há abortos nem escolas grátis.

Não estão sozinhos nesta luta. A causa do aborto pago pelo Estado constitui um ponto de honra da esquerda e a defesa do estudo em colégios privados sustentados pelo erário público quase um dogma para a direita. E andamos nisto. Ora pagam para abortar e estudam à borla, ora abortam de borla e pagam para estudar. Já nós pagamos sempre as vontades de uns e outros.

Compartilhar no WhatsApp

Viva o Estado social!!!

por Kruzes Kanhoto, em 14.08.15

Captura de ecrã - 12-08-2015 - 23:19:41.jpg

 

A questão do pagamento de taxa moderadora nos abortos praticados no SNS está a deixar a esquerdalha com os nervos à flor da pele. Discriminação, uivam eles. E elas. Coisas de um asqueroso governo de direita e das suas vingativas politicas de direita. Coerente, portanto. Aquilo que seria de estranhar era, digo eu, um governo de direita praticar as patéticas politicas de esquerda.

Mas sim, concordo. Existe no âmbito desta coisa do aborto uma intolerável discriminação relativamente às mulheres que optam por esta solução. Não têm direito a subsidio por interrupção da gravidez. Ah, espera, afinal têm...e até podem acumular com a pensão de velhice!

Compartilhar no WhatsApp