Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Saudade do tempo em que as vacas não voavam

Kruzes Kanhoto, 26.02.24

download.jpeg

Graças aos variados simplex’s – que até conseguem pôr vacas a voar – e à vontade politica dos representantes do povo legitimamente eleitos, mudar de sexo no registo civil, alterar o nome e conseguir o divórcio é hoje um processo que se trata num piscar de olhos. Diz, que eu dessas coisas não sei nada. Sei, isso sim, é que para cessar relações de carácter comercial com determinados prestadores de serviços é uma chatice. Para terminar um contrato com uma operadora de telecomunicações foram necessários quase três meses e duas deslocações à capital de distrito, dado que as restantes lojas do operador só servem para vender telemóveis e contratualizar serviços. O mesmo com os bancos. Até a agência local do banco público já nem serve para encerrar contas. Agora é tudo centralizado. Quase dois meses depois, de tão centralizado que é, ainda continuo, contra a minha vontade, a ser cliente. Começo a desconfiar que mais depressa vejo por aí um bovídeo a esvoaçar.

6 comentários

Comentar post