Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Remate kruzado

por Kruzes Kanhoto, em 25.08.10
Pouco escrevo acerca de futebol. E ainda tenho menos vontade de o fazer agora que o glorioso, longe do fulgor evidenciado na época passada, manifesta uma confrangedora incapacidade em me dar alegrias e os restantes clubezecos, por enquanto, parecem seguir-lhe as pisadas. No caso destes, perdendo. Como é óbvio.
Mas desta vez não resisto. É mais forte do que eu.Comove-me e enternece-me ao mesmo tempo a candura e a compreensão que os anti-Benfica – ou seja os apaniguados das restantes agremiações – manifestam relativamente aos sucessivos frangos consentidos pelo guarda-redes benfiquista. De repente cada golo sofrido pelo glorioso passou a ser analisado até ao mais ínfimo pormenor. O que não deixa de ser curioso, visto que o ano passado escrutinava-se até à exaustão cada lance que resultava em golo marcado pelo benfas à procura de algo que pudesse ser, ainda que vagamente, suspeito de indiciar uma qualquer ilegalidade. Agora analisa-se cada jogada ao detalhe e encontram-se sempre justificações para os inacreditáveis falhanços do homem, cada uma mais rebuscada que a outra e que nem ao Gabriel Alves ocorreriam, que terminam invariavelmente a ilibar de qualquer responsabilidade o guardião espanhol. 
Têm estes analistas de pacotilha, provavelmente, a esperança que o Roberto “Frango” Gimenez se mantenha na defesa da baliza encarnada e que, consequentemente, o Benfica continue a acumular maus resultados por muitos e, para eles, bons jogos. Duvido que assim possa ser. A sua posição é cada vez mais insustentável e só um louco, ou alguém com vontade de ser despedido, insistirá na sua continuidade na baliza dos campeões nacionais. 
Quanto àqueles que nutrem um ódio visceral pelo Glorioso, para quem estas primeiras jornadas da Liga tem proporcionado momentos de imenso gáudio, recordo que normalmente quem ri por último ri muito melhor. E eu acredito que ainda vou rir muito. Por exemplo – e apesar da vitória – aquele keeper da cidade da padralhada é gajo para ainda me proporcionar mais algumas gargalhadas. Ontem já começou a mostrar que é gajo para isso.
Compartilhar no WhatsApp

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.