Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Realidade é o que a cartilha ditar

Kruzes Kanhoto, 22.11.23

Screenshot_2023-11-22-0o.mobile.android.newsstand.

Uns dias sem prestar a devida atenção às noticias e um gajo fica completamente desactualizado. É que isto a realidade muda cada vez mais depressa e até mesmo o passado está a tornar-se demasiado imprevisível. Veja-se, por exemplo, o caso do IUC. Proclamava ainda há pouco um cavalheiro, num canal de TV, que o PS nos livrou de um aumento escandaloso daquele imposto. Uma atroz injustiça social, um verdadeiro assalto aos bolsos do portugueses, até, que alguém - vá lá saber-se quem, acrescento eu – se preparava para perpetrar.

Falava-se também de uma catadupa de apoios sociais que a direita se prepara para cortar mal chegue ao governo e dos aumentos generosos de reformas e vencimentos, que têm sido a prática corrente dos últimos seis anos, que levarão igualmente a inevitável tesourada quando os fascistas mandarem nisto. Uuuuhhhh, tenham medo, tenham muito medo. 

Perante isto, para além de visivelmente impressionado com o nível de “tranbalazanice” evidenciado pelos cartilheiros da organização mafiosa instalada no poder, estou assustadíssimo. As minhas perninhas tremem quase tanto como tremeram as dos banqueiros alemães quando ouviram o próximo capo e futuro querido líder delirar acerca da possibilidade do país deixar de pagar a divida externa.

Entretanto a imprensa fala de uma nova taxa. Dois por cento a mais na conta da luz para ajudar os desgraçadinhos a ter electricidade mais barata. Hoje. Amanhã o PS salva-nos de mais esta roubalheira. Quem é amiguinho, quem é?

6 comentários

Comentar post