Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Populismo valorizável

por Kruzes Kanhoto, em 13.09.20

FB_IMG_1599944230470.jpg

A cada dia os populistas fofinhos arranjam um novo motivo para indignar a populaça. Foi o Novo Banco onde, nos últimos cinco anos com o apoio do BE e PCP, o governo injectou milhares de milhões de euros mas agora nenhuma das partes da geringonça parecem nada ter a ver com o assunto e até se mostram indisponíveis para cumprir o contrato que assinaram com o comprador daquilo. Mudaram de ideias, pelos vistos. Coisa muito comum em políticos.

A indignação seguinte – se calhar para fazer esquecer a anterior, que estava a começar a virar-se contra os promotores – é por António Costa e Fernando Medina fazerem parte da comissão de apoio à recandidatura de Luís Filipe Vieira à presidência do Benfica. Confesso que, no caso, também me sinto ligeiramente indignado. Gente desta só dá mau nome ao Glorioso.

Já por destacadas figuras do aparelho socialista manifestarem publicamente a intenção de dar o seu voto às candidaturas comunistas à presidência da Republica, ninguém se aborrece. Mas devia aborrecer. É que se este apoio diz muito acerca do estado lamentável a que chegou o Partido Socialista e na circunstância o país, a ausência de indignação dos socialistas que apreciam a democracia – presumo que ainda existam uns quantos – diz muito mais.

Compartilhar no WhatsApp

2 comentários

Comentar post