Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Perante isto ainda é possível duvidar que não há dinheiro?!

Kruzes Kanhoto, 22.10.14
Há números que podem ter as mais diversas interpretações. Outros nem por isso. São o que são e pronto. Mas todos – os números – deviam ser do conhecimento geral. Especialmente aqueles que importam por condicionarem a nossa vida. E os números do orçamento do Estado estão entre os que ninguém devia desconhecer. Pena que poucos tenham paciência para os ler e que muitos, com responsabilidade na matéria, façam de conta que não os conhecem.
Veja-se o mapa acima. É o resumo das despesas do Estado para o próximo ano. Mais de cento e quarenta mil milhões de euros, ao todo. Dos quais noventa e dois mil e quatrocentos milhões são destinados ao serviço da divida. Que é como quem diz os juros e amortizações de empréstimos a pagar no próximo ano. Significa isto que sessenta e seis por cento da despesa do país é para pagar a quem nos financia. Se acrescentarmos as despesas pessoal e a segurança social... É fazer a conta. Como dizia um dos maiores esturradores de dinheiro que este país já conheceu.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.