Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

O rei dos javardos passou por aqui

por Kruzes Kanhoto, em 18.08.12

Mijar para a parede,ainda que constitua um acto reprovável, é do mais corriqueiro que há. Qualqueramigo das bjekas o sabe. Cagar em plena rua já não é assim tão comum e, tirandoos cães, são poucos os que o fazem. A menos que uma inconveniente trovoada intestinalse abata subitamente sobre um incauto cidadão e a casa de banho mais próxima seencontre a mais de um quilómetro de distância, não haverá motivos para arrear ocalhau em plena via pública. Já aliviar a tripa na rua, em direcção à parede –ainda para mais em pleno centro da cidade – constitui uma proeza digna de umverdadeiro contorcionista e é, por isso, um acontecimento muitíssimo mais rarodo que os anteriormente referidos. Digamos que, no âmbito da javardice e máeducação, o gajo – ou gaja, vá lá saber-se – que cometeu este feito notável, seráo supra sumo dos javardos e merecia um prémio daqueles à antiga. Assim tipolimpar aquilo com a língua.
Compartilhar no WhatsApp

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.