Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

O mealheiro

Kruzes Kanhoto, 23.03.12


De certeza que não sou o gajo mais indicado para dar dicas depoupança aos que têm a paciência de me ler. Primeiro porque não me acho tãopoupado quanto isso. Apenas racional, quando muito, e mesmo assim tem dias. Emsegundo lugar porque não quero entrar em concorrência com a legião de blogues acercadeste tema que pululam por essa blogosfera fora e, finalmente, porque ninguémligava nenhuma à minha retórica.
Tenho, no entanto, uma regra de poupança que não de canso dedivulgar e de sugerir a todos os que se queixam – e aos outros também – de nãoconseguir poupar absolutamente nada. Há anos, ainda muito antes de se falar em crise, todas as moedas de um e dois eurosestrangeiras, apenas as estrangeiras, que me vêm parar à carteira vão direitinhaspara um mealheiro. E, como a imagem documenta, por este dias abriu-se alatinha. Sendo eu de gostos simples e pouco dado a extravagâncias, mesmo nãose tratando de uma quantia avultada, é coisa para não andar muito longe de pagar asférias. Até porque este ano vou querer tudo sem factura.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.