Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Não será pedir demais?

Kruzes Kanhoto, 26.06.11

Talvezpor o número de cães existentes nas zonas urbanas, partilhando omesmo espaço que as pessoas, constituir já uma calamidade, sãocada vez mais aqueles a quem desagrada a javardice em que se tornaramos passeios, zonas ajardinadas e outros espaços públicos, provocadapela falta de civismo, higiene e educação de grande parte dosdonos.
Daínão surpreender que, de vez em quando, surja um ou outro conflito,ou troca de opiniões mais exaltada, entre o gajo – ou gaja - quepasseia o canito e não recolhe o presente que este deixou e alguém,mais consciente do seu direito a ter uma rua limpa, que lhes chama aatenção. Uma imensa maioria prefere, por enquanto, ir chamandonomes em surdina, reclamando contra as autoridades que nada fazem oudeixando recados. Como este, que fotografei numa rua de Estremoz.

5 comentários

Comentar post