Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Não passarão!

Kruzes Kanhoto, 08.04.24

Screenshot_2024-04-07-00-08-41-452_com.instagram.a

As pessoas andam a fumar merdas esquisitas, a beber zurrapas manhosas e a comer coisas estragadas. Provavelmente, a juntar a tudo isto, também devem andar a meter na água uma cena marada qualquer. Só pode. É que a maluqueira é generalizada. As pessoas vão para as redes sociais debitar alarvidades como se não houvesse amanhã, para manifestações defender causas que são manifestamente contra os seus interesses ou modo de vida e, pior do que tudo isso, aqueles que têm a responsabilidade de informar andam com esta gente ao colo. Que é como quem diz, ficam embevecidos com estes comportamentos doentios e transmitem-nos a mensagem da bondade destas tomadas de posição. Quando tinham obrigação de fazer o contrário. Não basta andar, sempre que há manifestações da extrema-direita, à procura de criaturas a fazer a saudação nazi ou de cartazes que exaltem valores que a esquerda reprova. Há que ser coerente e denunciar quem faz a apologia de regimes criminosos e, principalmente, quem apela à violência. Como, por exemplo, este manifestante. Para alguns será apenas uma violência fofinha e tolerável. Nada contra. Desde que façam essa tal revolução comunista no vosso quintal.

4 comentários

Comentar post