Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

"Eles mentem muito. Nunca vi mentir tanto."

por Kruzes Kanhoto, em 20.09.07

Convicto que a equipa que dirige não vai a lado nenhum, ainda menos à fase final da competição para a qual está a disputar a qualificação, o treinador, que não quer por nada ser despedido, pensa numa estratégia para se manter no cargo.

Na sequência de uma ideia luminosa acabadinha de surgir esmurra o primeiro jogador adversário que lhe surge por perto, alega que foi em defesa de uma minoria e no dia seguinte, frisando que não tem culpa, pede desculpa a toda gente.

Quando é conhecido o castigo aplicado pela uefa o treinador rejubila. O castigo são apenas quatro jogos de suspensão. Os que faltam disputar à sua equipa. Não pode estar no banco, nem lá perto. Maravilha. Assim ninguém o pode culpar da não qualificação. Nem despedir. Afinal não tem culpa.

Compartilhar no WhatsApp

1 comentário

Comentar post