Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Algum problema, palhaços?!

por Kruzes Kanhoto, em 10.12.15

Não estou a ver qual é o problema das nossas elites bem pensantes relativamente aos resultados eleitorais em França, que colocaram a extrema-direita lá do sitio como o partido mais votado. Então aquilo de não se poder excluir nenhum partido do arco da governação agora já não vale? Mas os votos, lá como cá, não valem todos o mesmo? Noto aqui uma estranha dualidade de critérios. E por mais argumentos bacocos que a insanidade mental de uns quantos consigam encontrar, não me convencem. A extrema-direita tem tanto direito a governar – lá, cá ou pelo caminho – como a extrema esquerda. Assim o povo queira. E em França, nomeadamente aqueles que sofrem na pele as maravilhas do multi-culturalismo, querem. Vide, por exemplo, os resultados da Frente Nacional na região de Calais… É que isto defender o ladrão que rouba a casa do vizinho é muito bonito. Já quando é a nossa que está a ser roubada...

Compartilhar no WhatsApp

4 comentários

  • Imagem de perfil

    De Kruzes Kanhoto a 10.12.2015 às 19:50

    Não me revejo em ideais extremistas. Faz-me é uma certa "comichão" que se aceite como natural a existência de partidos comunistas e apêndices diversos ainda mais esquerdistas e se considere a extrema direita como algo terrível... É que se formos pela história em termos de criminosos deve de andar ela por ela.
  • Imagem de perfil

    De pimentaeouro a 11.12.2015 às 11:12

    Governados pela extrema-direita ou pela extrema-esquerda? Deus nos livre e sou ateu.
  • Imagem de perfil

    De Kruzes Kanhoto a 11.12.2015 às 13:33

    Nós não estamos longe disso. A extrema esquerda é que dita as regras ao Camarada Costa.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.