Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Já?! Aguenta, pá...

por Kruzes Kanhoto, em 13.02.16

images.jpg

 

Costa já fala de consensos políticos com a direita. Ele lá saberá porquê. Mas, seja qual for o motivo desta súbita vontade de dialogar com os partidos que estiveram no poder, a surpresa é apenas o curto espaço de tempo decorrido desde a constituição da geringonça. Assim, à primeira vista, parece que a criatura que chegou ao poleiro através de esquemas manhosos, não deposita grande confiança nos seus parceiros de tramóia.

Curioso, curioso vai ser ler e ouvir as justificações dos fanáticos do Costa. Daqueles que acham o homem um santo. Capaz, no douto entender e brilhantismo da retórica dos seus seguidores, de sozinho fazer frente a tudo e a todos para nos proporcionar uma vida muito melhor. Para já não falar daqueles apaniguados costistas que, a cada critica à geringonça, respondem com a inteligência que lhes é amplamente reconhecida com um inevitável “ e o Passos?! E o Passos?!”.

Compartilhar no WhatsApp

Olha o Costa preocupado com os fregueses...

por Kruzes Kanhoto, em 25.12.15

Criticar a troika por ter estado mais preocupada com as freguesias do que com a banca fará - toda a gente concordará - algum sentido. Isto dependendo, no entanto, de quem faz a critica. É que se for feita por quem chamou a dita troika e com ela assinou o acordo de todos conhecido, parece-me que é apenas mais uma conversa da treta. Demagogia, ou lá o que se costuma chamar a estas patacoadas. Mais ainda, quando finalmente conseguiu o poder que tanto ambicionava fez o mesmo que os antecessores que tanto criticou. Ou pior. Bastava-lhe ter esperado mais uns dias e o problema seria de outros e não nosso. Mas isso, sou eu a especular, era capaz de não dar jeito à corja do centrão cujos interesses todos temos de pagar.

Compartilhar no WhatsApp

Costa, a serpente.

por Kruzes Kanhoto, em 30.10.15

images.jpg

Toda a gente já reconheceu que o actual impasse na vida politica portuguesa se deve a uma birra do individuo que chefia o PS. O homem – em termos políticos, evidentemente – não presta. O seu percurso fala por si. Mas não o culpo em exclusivo a ele. Todos os que viram – ou, apesar de tudo, ainda veem - ali um Messias, uma espécie de salvador da pátria, também são culpados. Em termos pessoais o senhor até pode ser uma jóia de criatura mas politicamente não vale nada. É pior do que as cobras. Daqueles que nem a história julgará. Não vai lá ter lugar. Terá, isso sim, um lugar destacado no anedotário nacional.

Compartilhar no WhatsApp

Cavaco mau...

por Kruzes Kanhoto, em 23.10.15

A esquerda ficou histérica com a decisão do Cavaco. Nada de surpreendente. Apenas incoerência, como quase sempre. Para a malta da esquerdalha o Costa governar, mesmo amplamente derrotado nas eleições, é legítimo. E, perante a lei vigente, de facto é. O Presidente equacionar manter em gestão um governo que não passe no parlamento, embora legítimo perante a lei em vigor, não é. Coisas…

Compartilhar no WhatsApp