Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O "consporco". Javardote, vá.

por Kruzes Kanhoto, em 13.03.15

 

 

Presumo que, pelo menos desde o fim da escravatura, em todos os locais de trabalho existam meios de controlar a assiduidade e pontualidade dos trabalhadores. Ou, sejamos modernaços, dos colaboradores. Tal como este conceito, também a maneira de fazer o controlo é cada vez mais moderna. O que nem sempre é boa ideia.

Quando comecei a trabalhar – ou a colaborar, sei lá - era o livro de ponto. Com uma esferográfica presa por um cordel não fosse alguém mais distraído metê-la ao bolso. Não querendo partilhar, por não saber onde é que o colega que tinha assinado antes andou com as mãos, cada um podia assinar com o seu próprio material escrevente.

Veio, depois, o relógio de ponto. Os primeiros exemplares produziam, a cada utilização, uma chinfrineira do camandro quando se introduzia o cartão mas, no âmbito da promiscuidade, eram exemplares. Nada de misturas. Cada um só mexia no seu e não precisava de tocar na máquina. Muito menos na ranhura.

Mais tarde inventaram um mecanismo em que os colaboradores são identificados pelas impressões digitais. Uma javardice. Todos colocam o dedo no mesmo espaço de dois centímetros quadrados. Isto depois de o dito dedo ter passado sabe-se lá por onde. Há, até, quem o lamba – ao dedo – quando a máquina manifesta notórias dificuldades em o identificar.

Deve ser por isso, ou por outra razão parva qualquer, que existe sempre um outro colaborador mais intrépido que parte para a agressão ao mecanismo. Acredito que não obterá daí grandes proveitos mas, pelo menos, não o conspurca. Como o outro consporco.

 

 

 

Compartilhar no WhatsApp

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:21



6 comentários

De FireHead a 13.03.2015 às 07:11

Você transferiu-se para o sapo? :)

Abraço e bom fim-de-semana.

De Kruzes Kanhoto a 13.03.2015 às 08:30

Ainda estou a testar a coisa. Vamos ver se a mudança será ou não definitiva.

De Quarentona a 13.03.2015 às 10:56

Essa de lamber o dedo nunca assisti... e já reparou que tudo vai abaixo, o sistema informático, a luz, a água, tudo menos o raio do pica! Incrível!!!

De Kruzes Kanhoto a 13.03.2015 às 19:21

Aquilo tem pilhas. Eles pensam em tudo...

De Fatyly a 14.03.2015 às 08:08

e mesmo assim há quem chegue atrasado e ou não compareça e fica registado como presença:)

No meu trabalho, passávamos por um pórtico:) ou chamem lá outra coisa que agora não me lembro...e ficava registada a entrada e saída. Mas em tudo os "fantasmas" conseguem aparecer e como? Pois claro...mas foram apanhados e levaram a consequente coima com juros cavalgantes!

De Kruzes Kanhoto a 14.03.2015 às 11:32

Cuspir no dedo antes de o colocar no leitor de impressões digitais já tinha visto. Uma valente lambidela como a que vi um dias destes é que ainda não. Grande porco!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor






Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D