Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

E aquela cena da liberdade de expressão, ou lá o que era?!

por Kruzes Kanhoto, em 16.07.17

IMG_20170526_195001.jpg

 

Pouco me interessa se aquele médico já velhote – o Gentil Martins, ou lá o que é – tem ou não razão relativamente àquilo dos paneleiros¹, fressureiras¹ e actividades correlativas. Se ele disse o que disse lá saberá porque o fez. E, de certeza absoluta, com muito mais conhecimento de causa do que a esmagadora maioria daqueles que o andam por aí a criticar. Mas nem é isso que está em causa. O preocupante é que, actualmente e após quarenta e três anos de democracia, parece constituir um crime emitir opiniões divergentes daquelas que uma minoria pretensamente bem pensante entende serem as correctas. Seja qual for o assunto em causa. O homem, apesar da sua reconhecida sapiência, até pode estar errado. Mas, porra, não pode exprimir a sua opinião sem ser ofendido, alvo de inquéritos ou ameaça de processos na justiça?! Belo exercício de tolerância este, sim senhor! Mais ainda vindo de quem, permanentemente, exige essa e muito mais tolerância em relação a si e aos seus comportamentos.

Já quanto às reacções que as declarações do senhor suscitaram, no sentido de negar o seu conteúdo, não me surpreendem. De todos os malucos que já conheci nunca vi nenhum reconhecer-se como tal.


¹ Vidé o dicionário Priberan de língua portuguesa.

Compartilhar no WhatsApp

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.