Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kruzes Kanhoto

Ainda que todos, eu não!

Desta vez foi o Tyson. Mais um mártir para os desmiolados defensores dos animais.

por Kruzes Kanhoto, em 27.07.14

Caso já tivesse sido publicada em Diário da República, a lei que criminaliza os maus tratos a animais teria feito a sua primeira vitima. E, mesmo assim, não sei se o homem se safará de boa. Refiro-me ao policia que abateu a tiro um cão de raça perigosa, na sequência de uma intervenção policial motivada pela denuncia de um assalto que estaria a ocorrer à residência dos donos do mastim.
A corja do costume já deu inicio ao cerco e não faltam imbecis a pretender que o agente da autoridade seja punido. O coitado do homem, ou muito me engano, está feito ao bife. Nem sequer vai poder alegar legitima defesa, pois ao que consta o animal não estava armado. Por outro lado a reacção ao ataque foi claramente desproporcionada. Quando muito devia ter-se defendido à dentada. E, mesmo assim, apenas com a força necessária para imobilizar o atacante. Que, diga-se, nem precisaria ser grande porque, ao que os donos garantem, o cão era manso. Menos para quem entrava no quintal... Logo, por azar, precisamente o sitio onde o policia teve de entrar.
Compartilhar no WhatsApp

6 comentários

Comentar post